Encontro Perseverança: A Bíblia

318
Encontros de perseverança

*Você já recebeu uma carta, um e-mail, uma mensagem?

A Bíblia também é uma carta: é a carta que Deus mandou para nós.
Hoje veremos que a Bíblia é a Palavra de Deus escrita por muitos e para muitos. *Você tem uma Bíblia na sua casa? Geralmente, onde fica a Bíblia na sua casa? Você importância para bíblia igual dá para o celular?

A palavra grega “bíblia” significa ‘livro”. A Bíblia é uma coleção de livros, uma biblioteca num único volume. Nesses livros estão escritos, sob a luz da fé, experiências vividas por mulheres e homens em épocas, lugares e situações diferentes. Eram pais e mães de família, gente instruída e gente simples. Muitos não sabiam ler nem escrever, porém contavam e recontavam histórias que tinha ouvido, as quais lembravam, sobretudo, a presença e ação de Deus que caminhava com eles. Nessas experiências que pouco a pouco passaram a ser registradas por escrito, o povo reconheceu a voz de Deus.

Portanto, os livros da Bíblia são chamados de “Escritos Sagrados” ou Sagrada Escritura, porque foram escritos por inspiração divina.

Como é algo Sagrado, deve-se ter muito respeito e postura ao manusear e ouvir a bíblia.

A Bíblia é formada por dois grandes blocos chamados testamentos: o Antigo e o Novo. O Antigo Testamento conta a história do povo de Israel. Israel é um país que fica situado no hemisfério norte, no Oriente.

No decorrer de sua longa história, a terra de Israel recebeu muitos nomes que são referidos na Bíblia, cada um indicando um período histórico: Canaã, Reino de Israel e Reino de Judá; Terra Prometida, Terra Santa, por fim, Palestina. O Antigo Testamento, é a primeira e a maior parte da Bíblia. É formado por 46 livros. O novo Testamento, ou Segundo Testamento, contra a vida de Jesus e das primeiras comunidades cristãs.

O Novo Testamento é formado por 27 livros. Ao todo, a Bíblia é formada por 73 livros. Esses livros comunicam a Palavra de Deus para que o ser humano seja feliz, ame a todos e encontre a fé e a Salvação em jesus Cristo.

Na fé da Igreja: Deus nos fala pela Bíblia

Deus se tornou muito próximo de nós para mostrar o seu amor, para que as pessoas soubessem quem ele é, para que o amassem e conhecessem seus ensinamentos. Deus ajudou algumas pessoas para que escrevessem sua carta para nós. Pela bíblia, percebemos que Deus é amor. No Antigo Testamento, Deus falou para seu povo através de pessoas que ele escolhia para anunciar seu amor. No Novo Testamento, Deus mesmo falou pelo seu Filho, Jesus Cristo.

Deus foi-se revelando, mostrando-se para as pessoas com o objetivo de que conhecêssemos o seu amor. A revelação de Deus é importante para que o ser humano possa conhecer seu amor, sua fidelidade, e ter um caminho para a salvação. Deus se revelou por seus profetas que anunciavam seu amor através de gestos e palavras. As palavras dos profetas e os milagres mostram que Deus está próximo do povo para comunicar seu plano de amor. Deus é o autor da Bíblia. Ele fez isso inspirando pessoas para que a escrevessem. A Bíblia é a comunicação de Deus com seu povo. Através dela somos capazes de caminhar nesta vida iluminados pela luz da Palavra de Deus.

2 Tm 3, 16-17

Mt. 7, 24-26

Lc. 8,11-15

Salmo 119 : “É eterna , Senhor, a tua palavra. Quero ouvir os teus preceitos. Nunca mais quero esquecê-los. Tua Palavra é uma luz meu ip que ilumina o meu caminho. Sou pequeno, mas não quero esquecer teus mandamentos. Sinto-me feliz ao ouvir tua Palavra. É um imenso tesouro para mim.”

10 Mandamentos (Êxodo 20:3-17)
1 – Amar a Deus sobre todas as coisas.
Amar a Deus no próximo, através do nosso irmão. Amar, perdoar, servir.
Quando fomos batizados nós nos tornamos cristãos. Isso quer dizer que nós não somos apenas amigos de Cristo, mas que estamos inseridos no seu projeto de salvação, de restauração.

2 – Não tomar seu santo nome em vão.
– Proíbe todo uso impróprio do nome de Deus.
– Respeito – consequência do amor

3 – Guardar domingos e festas de guarda
– Assistir e participar das missas – um único dia para adorar e louvar a Deus.

4 – Honrar Pai e Mãe
– Respeito aos pais / Obediência / Diálogo

5 – Não matar 
Só Deus tem o direito de tirar a vida
– Aborto / Suicídio / Homicídio

6 – Não pecar contra a castidade
Integração correta da sexualidade na pessoa
– Relacionamento superficial dos jovens

7 – Não roubar
– Apropriar-se do que não é seu
– Roubar a paz
8 – Não levantar falso testemunho
– Matar com a língua / mentir
– Desmoralizar
– Ter misericórdia com o próximo

9 – Não desejar a mulher do próximo
– Respeito ao compromisso assumido pelos outros
– Matrimônio
– A importância da família

10 – Não cobiçar as coisas alheias
“O SER tem que estar acima do TER”

Por nossa Catequista: Gabriely Fernanda Bataier
www.catequesecatolica.com.br