Metas de um bom gestor hospitalar

132
Metas de um bom gestor hospitalar

Lendo o Livro, “A PROVIDÊNCIA”, de Henrique Prata, no seu capítulo VI encontrei algumas dicas   para uma gestão humanizada que, sinteticamente as resumo como princípios básicos a serem observados pelos gestores de  entidades na área da SAÚDE, principalmente da Pró Saúde.

  1. Convicção de que mais que o médico e o remédio é o respeito à dignidade e a autoestima do paciente;
  2. Esforçar-se por ser “empático”, isto é: ser capaz de sentir a dor e o sofrimento de cada pessoa;
  3. Cuidar e não acovardar-se ou deixar que qualquer pessoa, paciente ou colaborador, seja humilhado, ignorado ou explorado.
  4. Ter a humildade de conhecer todos os colaboradores, pessoalmente, e deixar-se conhecer por eles;
  5. Amar verdadeiramente as pessoas, servindo-as e não apenas exercendo bem, mas friamente, uma profissão.
  6. Estar aberto e atento aos quatro cantos da instituição, constantemente, com a ajuda dos setores competentes.
  7. Exigir que os chefes ou responsáveis de todos os setores ensinem àqueles que sabem menos, o que eles sabem, com humildade e respeito.
  8. Aprender também a confiar na misericórdia e na providência divinas.
  9. Oferecer tudo o que tiver de melhor ao paciente.

10-Ler e ter sempre presente a Parábola do bom samaritano.   (Lucas 10.20-37).

Dom Eurico dos Santos Veloso

Presidente

São Paulo, 17 de setembro de 2019