Nosso modo de agir transformam as pessoas

1140

Certa vez, um rapaz estava chegando a uma pequena cidade, com a sua bagagem, para morar ali.

Na entrada da cidade, ele viu um senhor idoso e resolveu perguntar a ele sobre o povo daquele lugar.

Cumprimentou-o e disse: “Por favor, eu estou chegando aqui para morar, como é o povo desta cidade?”

O ancião, em vez de responder direto, perguntou a ele: “Como é o povo do lugar de onde você vem?”

O jovem disse: “Ah! São todos egoístas e malvados!” “A mesma coisa você vai encontrar aqui”, disse o homem. O moço entrou na cidade.

Mais tarde, outro jovem apareceu, com a sua bagagem, também vindo para morar ali. Ao ver o velho, perguntou-lhe: “Como são as pessoas que vivem nesta cidade?”

O ancião olhou para ele e perguntou: “Como são as pessoas do lugar de onde você vem?” O rapaz sorriu e disse: “Ah! Lá as pessoas são magníficas. São amigas, honestas, hospitaleiras… Fiquei triste por ter de deixá-las”. Então o velho respondeu: “A mesma coisa você vai encontrar aqui”.

Isto é a pura verdade. Nós influímos profundamente nas pessoas com quem convivemos. Quem é bom torna boas as pessoas ao seu redor. Já aquele que é mau, estraga as pessoas e as torna más também.

Pelo Batismo, fomos transformados em novas criaturas. E Deus nos chama a transformarmos o mundo, tornando-o também em um mundo novo.

A presença de Maria Santíssima no meio dos Apóstolos, após a ressurreição de Jesus, deu-lhes muita força. Que ela esteja também entre nós.