A essência de ser Maria

198
A essência de ser Maria

Lendo atentamente o Evangelho escrito por Lucascapítulo 1, versículos 26-57, descobriremos o que mais sobressaia na Mãe de Jesus e que constituíam a sua verdadeira essência: DISPONIBILIDADE, SERVIÇO, SILÊNCIO, MEDITAÇÃO, HUMILDADE e LOUVOR.

Ao receber a Boa Nova do Anjo de que seria a Mãe do Salvador, e que Isabel estava grávida de seis meses, apressadamente se dirige à Judeia para servi-la. Logo depois que se entregara a Deus totalmente, entrega-se a todos nós.

Mulher do silêncio e da meditação, guardava no seu coração aquilo que não era do seu entendimento, aguardando pacientemente a revelação do Espírito Santo. E aí vivenciava na  e na esperança o que havia sido revelado do céu.

Fazia-se aos olhos humanos  a última das criaturas, porém, aos olhos de Deus foi sempre a primeira, pensada e gestada no coração do Pai antes de todas as coisas. Porque foi humilde – abandonando os seus planos e projetos – e atirando-se no abismo dos braços do Altíssimo, tornou-se bendita, bem-aventurada, feliz.

Assim sendo, dos seus lábios puros e santos, somente poderia cantar os louvores do Criador: “A minha alma glorifica o Senhor, exulta de alegria em Deus, meu Salvador, porque pôs os olhos na humildade de sua serva, doravante todas as gerações me proclamarão bem-aventurada, porque fez e mim maravilhas Aquele que é poderoso e cujo nome é santo“.

Paz e Luz

Antonio Luiz Macêdo

Leia os Artigos do Autor: APAGGAR BIB

A Bíblia em perguntas e respostas

Evangelização Integrada

Fragmentos de Salmos (Salmo em negrito)

Gota de Esperança

Antonio Luiz Macêdo